terça-feira, 22 de novembro de 2011

Sempre é tempo de ... GAMBIARRA E FAROFA!

Nos meus tempos de faculdade, quando vc chegava a um resultado por meios nada claros e nem um pouco ortodoxos, sempre era usado o termo "gambiarra".

Lá em casa sempre rolava esse termo quando, podem imaginar, três mulheres tentavam fazer qualquer tipo de conserto ... Pq ficava bem de qualquer jeito mesmo, era só pra tentar manter em funcionamento !

E farofa, claro, é aquele atestado de pobre que a gente passa fazendo umas coisas, digamos assim, vexatórias...

E daí que eu vim pra cá , a terra dos super mega organizados que fazem tudo certo E não erram E não pisam fora da faixa E blá blá blá ...

Quatro meses depois e um mínimo de observação ... Nada é tão, por assim dizer, perfeitinho mesmo !

Quer ver ?


GAMBIARRA 1 : não coube na mala do carro, sinaliza e segue a vida !


GAMBIARRA 2: não posso postar fotos, mas sério, poderia colar aqui o apartamento inteiro. Marido teve q recuperar praticamente todas as tomadas (fechadas mas com fios soltos dentro), consertar caixa de luz, vara de cortina, tubulação das pias, etc ... tudo, mas tudo mesmo, super gambiarrado!
Vamos devolver o apê muito mais perfeito do q ele estava ao recebermos !

FAROFA 1: churrasco na beira do rio .... que é a única praia por aqui... e eu posso gongar mesmo, pois afinal ... EU ESTAVA LÁ, vcs podem imaginar fazendo o q né ! Farofa claro hahahaha


FAROFA 2: há! Ovo colorido !Não tem como ! Sei que isso tem um significado, mas enfim, pra mim, e somente e tão somente o ovo colorido de botequim!!!




Viu como nessa terra de certinhos tambem tem os "avacalhados" ?


beijos

terça-feira, 15 de novembro de 2011

Sempre é tempo de ... Série facilidades diárias!

Só que ao contrário, né.


Momento assalto disfarçado de venda + problemas cardíacos futuros.


Pontos esclarecedores:

1) Eis que euzinha tenho ido com certa em lojas de eletrodomésticos e eletrônicos para encontrar umas coisas para o lar (voltagem e frequência diferentes, nada da nossa cozinha funciona aqui ... #todaschora).

2) Estou por dentro de todos os preços, fiz N comparacoes para o marido decidir
(dois engenheiros X uma compra a ser feita = planilha na certa)...

3) Quem me conhece sabe q eu odeio passar roupa, nível máximo da escala de ódio dos afazeres domésticos (relembrem "o monstro" ...)..


E eis que em uma das minhas incursões no mundo dos cabos, fios e produtos mudernos, me deparei com a maior das maiores novidades do mercado!
Uma área exclusiva pra ela na loja, status de estrela!

E sério, nada, mas nada mesmo do que eu tenha visto nessa vida de compara a isso:

Como assim um combo tábua de tortura + monstro pode custar tanto???

                                                                    CHO-CA-DA !!!!

Até pensei em perguntar o que ela fazia mas não tive coragem ...

Bem possível que, sozinha, ela passe, pendure e guarde no armário e ainda te faça um cafuné no fim do dia, além de claro bater um super papo cabeça sobre a vida, a família e a situação do planeta...


Só isso justificaria esse preço...

Update: quando eu ja achava que o mundo ja estava mais que fora do limite, ontem em outra loja vi um outro modelo por simbolicos 1300 #%$^*&^ euros !!!!!


Com o perdão do trocadilho fajuto,
Beijos "passados"

quinta-feira, 10 de novembro de 2011

Sempre é tempo de ... Série facilidades diárias !

Da série facilidades diárias ... Só que ao contrário !

Episódio do dia :
A compra do armário

Marido marcou as 6 , chegou as 7 e a loja fechava as 8
(e o fechar daqui é fechar meeeeesmo meia hora antes eles encaminham o povo para o caixa com aquela gentileza) ...

Dai que eu fui antes no combo da mulher independente (vulgo trem + busão) e olhei todos com a atendente, fiz a triagem e deixei pra ele escolher entre dois...

Fiquem orgulhosos , gastei todo o meu alemão (que deixa taaaanto a desejar) já que o negócio era feio, ela não falava uma palavra em inglês, era tentar ou tentar kkkkk ...!

Marido chega com cara se paisagem e de verdade , a mulher já estava tensa, foi praticamente pagar e ser expulso da loja kkk

A entrega tinha prazo de 3 semanas...

Com isso, mais a opinião formada da mulher (jurou q cabia) resolvemos tentar carregar no carro e levar o armário pra casa...

Sei lá se todo marido é assim, mas o meu veio com um chip de arrumação d malas que vou te dizer, viu ... É um momento de concentração, quase religioso!
...Vcs sabem, aquela organização bacana de mala: desce banco, encaixa, arruma ...
Um friozinho básico de 3 graus e a gente no estacionamento encaixando tudo no carro quase 20 minutos ... Todasenlouquece !!!
Quase q eu não coube!

... Mais uma pequena dificuldade na chegada, pra retirar tudo, carregar até o prédio ... Kd o gramuuuuur da Europa???

Opa, a caixa mais pesada escolheu a minha mão pra cair bem em cima!!!
E nem pude dar escândalo pois estava na frente da casa do vizinho ...
Morde a boca !
Continua a carregar !

Chegamos em casa, enfim.

Nada de montagem incluída , aqui é "faça vc mesmo" ou "pague pela montagem o mesmo valor do armário".

Saldo do dia:
- dor nas costas (dos dois);
- 4 dedos bem roxos, doloridos e inchados (os meus);
- E um armário lindo de morrer que a gente nem faz idéia de como montar !!!!


Beijos jogados com dedinhos esmagados !
Celle

quarta-feira, 9 de novembro de 2011

Sempre é tempo de ... COMPARTILHAR!

Eita que tenho tido idéias mil sobre o que escrever e justo agora que sou estudante e dona de casa/ governanta/ secretária/ officce boy, falta tempo, que ironia.

Enfim, assunto pra outro post.

Recebi ontem da minha amiga Marthinha (ih saudades dos nossos cafés), e como ela já sabia quando me mandou, eu adorei.

Parece aquela receita do bolo que vc sempre quer fazer mas não acerta!


Vou colar direto e torcer para ser mesmo da Leila...

------

Vocabulário feminino
Leila Ferreira

Se eu tivesse que escolher uma palavra - apenas uma -
para ser item obrigatório no vocabulário da mulher de hoje,
essa palavra seria um verbo de quatro sílabas:
descomplicar.
Depois de infinitas (e imensas) conquistas,
acho que está passando da hora de aprendermos
a viver com mais leveza:
exigir menos dos outros e de nós próprias,
cobrar menos, reclamar menos, carregar menos culpa,
olhar menos para o espelho.

Descomplicar talvez seja o atalho mais seguro para chegarmos à tão
falada qualidade de vida que queremos - e merecemos - ter.

Mas há outras palavras que não podem faltar no kit existencial
da mulher moderna.
Amizade, por exemplo.
Acostumadas a concentrar nossos
sentimentos (e nossa energia...) nas relações amorosas,
acabamos deixando as amigas em segundo plano.

E nada, mas nada mesmo, faz tão bem para uma mulher
quanto a convivência com as amigas.
Ir ao cinema com elas
(que gostam dos mesmos filmes que a gente),
sair sem ter hora para voltar,
compartilhar uma caipivodca de morango
e repetir as histórias que já nos contamos mil vezes
- isso, sim, faz bem para a pele.

Para a alma, então, nem se fala.

Ao menos uma vez por mês, deixe o marido ou o namorado em casa, prometa-se que não vai ligar para ele nem uma vez
(desligue o celular, se for preciso)
e desfrute os prazeres que só uma
boa amizade consegue proporcionar.

E, já que falamos em desligar o celular, incorpore ao seu vocabulário
duas palavras que têm estado ausentes do cotidiano feminino:
pausa e silêncio.

Aprenda a parar, nem que seja por cinco minutos,
três vezes por semana, duas vezes por mês, ou uma vez por dia
- não importa -
e a ficar em silêncio.

Essas pausas silenciosas nos permitem refletir,
contar até 100 antes de uma decisão importante,
entender melhor os próprios sentimentos,
reencontrar a serenidade e o equilíbrio quando é preciso.

Também abra espaço, no vocabulário e no cotidiano, para o verbo rir.
Não há creme anti-idade nem botox que salve a expressão
de uma mulher mal-humorada.
Azedume e amargura são palavras que devem ser banidas
do nosso dia a dia.
Se for preciso, pegue uma comédia na locadora,
preste atenção na conversa de duas crianças,
marque um encontro com aquela amiga engraçada
- faça qualquer coisa, mas ria.
O riso nos salva de nós mesmas,
cura nossas angústias e nos reconcilia com a vida.

Quanto à palavra dieta, cuidado:
mulheres que falam em regime o tempo
todo costumam ser péssimas companhias.

Deixe para discutir carboidratos
e afins no banheiro feminino ou no consultório do endocrinologista.
Nas mesas de restaurantes, nem pensar.

Se for para ficar contando calorias,
descrevendo a própria culpa e olhando para a sobremesa
do companheiro de mesa com reprovação e inveja,
melhor ficar em casa e desfrutar sua salada de alface
e seu chá verde sozinha.

Uma sugestão?
Tente trocar a obsessão pela dieta por outra palavra que,
essa sim, deveria guiar nossos atos 24 horas por dia:
gentileza.

Ter classe não é usar roupas de grife:
é ser delicada.
Saber se comportar
é infinitamente mais importante do que saber se vestir.

Resgate aquele velho exercício que anda esquecido:
aprenda a se colocar no lugar do outro,
e trate-o como você gostaria de ser tratada,
seja no trânsito, na fila do banco,
na empresa onde trabalha, em casa, no supermercado,
na academia.

E, para encerrar, não deixe de conjugar dois verbos que deveriam ser
indissociáveis da vida:
sonhar e recomeçar.

Sonhe com aquela viagem ao exterior, aquele fim de semana na praia,
o curso que você ainda vai fazer, a promoção que vai conquistar um dia, aquele homem que um dia (quem sabe?)
ainda vai ser seu, sonhe que está beijando o Brad Pitt ...
sonhar é quase fazer acontecer.
Sonhe até que aconteça.

E recomece, sempre que for preciso:
seja na carreira, na vida amorosa, nos relacionamentos familiares.
A vida nos dá um espaço de manobra:
use-o para reinventar a si mesma.

E, por último
(agora, sim, encerrando),
risque do seu Aurélio a palavra perfeição.

O dicionário das mulheres interessantes inclui fragilidades,
inseguranças, limites.

Pare de brigar com você mesma para ser a mãe perfeita,
a dona de casa impecável, a profissional que sabe tudo,
a esposa nota mil.

Acima de tudo, elimine de sua vida o desgaste.
Mulheres reais são mulheres imperfeitas.
E mulheres que se aceitam como imperfeitas são mulheres livres.
Viver não é (e nunca foi)
fácil, mas, quando se elimina o excesso de peso da bagagem
(e a busca da perfeição pesa toneladas),
a tão sonhada felicidade fica muito mais possível.

Leila Ferreira.

-------


Eu venho tentando sinceranente descomplicar, e fazer de cada dia um dia interessante.
Curtindo os amigos a distância e os novos amigos q a vida está me trazendo.
Curtindo as dificuldades dessa nova língua e desse novo país.
Me conhecendo e amando a minha companhia, e tentando ter maturidade pra lidar com a saudade que em alguns momentos é bem malvada e leva embora toda a minha energia ...
Aceitando que não sou perfeita mas que na balança entre defeitos e qualidades estou no positivo já que as pessoas que mais amo nessa vida continuam próximas hehe.

Que tal libertar-de da prisão que nós mesmos criamos ????




Beijos descomplicados !

segunda-feira, 12 de setembro de 2011

Sempre é tempo de … ENFRENTAR OS MONSTROS !

Sempre fui uma pessoa frouxa de tudo.
Tenho medo de bicho, de altura, de água, de escuro, de barulho, etc etc etc (#lista infinita)
(e vou reclamando na montanha-russa, e no mar, e no meio do mato, e acho q tem ladrão com cada batida de porta).

Mas não corro de enfrentar o que é preciso, sempre vou atrás do que quero.

E daí que eu tenho um monstro a enfrentar que eu odeio.
Tenho pavor, asco, implico e evito o máximo possível.
Eu não enfrentava no Brasil e agora sou obrigada a enfrentar aqui.


Periodicamente passo por essa tortura.
Dai-me forças!
Pq a todo momento acho que não vou suportar!!!


Detalhe: ele é agressivo  com quem não está acostumado!
Se vc distrai te machuca mesmo,  super perigoso, queima doído,  feita aquelas lagartas q crianças pestes (oi ???) sempre pegam com a mão e se arrependem.
E dependendo de como acontece a luta,  ainda resta uma super dor nas costas ou uma dor no pulso.
Ninguém merece!!!


Segue a foto do monstro, registrada num momento em que ele se encontrava relaxado, certo de que em breve teria nova luta pela frente:

O Monstro:  com rabinho e tudo! 
E a foto da batalha ganha.

Batalha da semana


A luta continua na semana q vem …


PS: Isso é só uma brincadeira, viu? Quem me conhece sabe q odeio mesmo trabalhos domésticos (todos) e estou reaprendendo a ter essas responsabilidades, já que lá eu tinha minha santa Alcione (#lágrimas de saudade), e tinha a desculpa de trabalhar o dia inteiro e agora não tenho mais hehehe, não posso correr.


Afinal, cada um enfrenta os monstros q quiser.
Qual é o de vcs ????


Beijos da que segue enfrentando
celle

sábado, 3 de setembro de 2011

Sempre é tempo de … ESTUDAR !

E nas minhas metas, eis q estava APRENDER ALEMÃO.


E lá fui eu para o curso, primeiro módulo, 1 mês, 3 horas e meia por dia.


A primeira semana passou e só posso dizer uma coisa: acho q vou colocar a meta para 2012 hahahaha.


Muito difícil!


Ou eu sou muito limitada mesmo hahaha.


Mas vamos ao q teve …




* Teve curso pra lá de eclético!


tem ucraniano, grego, brasileiro, peruano,  paquistanês, etiopiano, filipense, turco, francês, búlgaro, moldavo, inglês, sérvio, afegão, ucraniano, etc etc etc … uma salada , imagina todo mundo tentando se entender.…  e algumas dessas pessoas não falam nada de inglês, só suas línguas originais (o afegão usa um livro todo em persa, imaginem) …
… então nesses dias pude praticar mais do meu inglês (que ainda é meio safado, tenho muito o q melhorar) e saber um pouquinho mais de geografia q em muito tempo !

* Teve algumas afinidades imediatas!

ao meu lado, sentam…
uma garota da Tanzânia q lá era apresentadora de TV até conhecer  um alemão, casar com ele lá  e se mudar pra cá.  

PAUSA PARA EXPLICAÇÃO:
onde vc senta no primeiro dia, tem q sentar até o final. 
O grego pegou o lugar da tanzaniana no terceiro dia e ela tá uma fera com ele até hoje.
FIM DA PAUSA.

Voltando … ao meu lado até hoje, sentaram:
a garota da Tanzânia;

um cara do Afeganistão q era soldado (!) e desertou pq não queria mais saber de trabalhar na guerra e foi morar na Bulgária e trabalhar como pedreiro, onde conheceu a esposa e se casou e teve um filho e segundo ele, cada dia que passa ele lembra um dia a menos do seu trabalho no Afeganistão. #emocionei

e agora o grego "roubador de lugar", direto da Macedônia, era jogador de futebol profissa no seu país, tem 21 anos, já fala alemão (ainda não sei pq ele caiu na turma de iniciantes) e agora tá aqui desempregado, cheio de gel do cabelo, brinco na orelha e piercing no rosto, talento pra pagodeiro nato, uma comédia, faz mil piadas. #adolescência mandou lembranças

Histórias das mais doidas!

* Teve gente esquisita e tapa na cara do preconceito!

o filipense: é meio doidinho e fica de costas para a turma no intervalo da aula sem falar com ninguém, parece q está de castigo… a gente mal escuta a voz dele … mas é um menino, imaginem, tem 19 anos ...


o costa riquenho: tem um cabelo de maluco, anda estranho, fuma, leva bebidas na mochila e é o palhaço da turma. Diz q sua profissão é surfista, mas não gosta de surfar no único lugar q dá pra surfar aqui, o Rio Isar. Ele chega atrasado todo dia (para desespero do prof … alemão destesta atraso), fazendo tumulto, a gelera se acaba de rir com ele. Espaçoso, escandaloso, uma figura!

o etiopiano: qdo entrei na sala, confesso q  apavorei com a roupa, o barbão e o chapeuzinho, já imaginei qdo ele iria explodir a bomba na sala, viu … fiquei assim até o terceiro dia, até descobrir q o cara é padre, católico ortodoxo, por isso a roupa nada discreta e o super mega crucifixo cravejado de rubis (!). Rótulos, minha gente, impressionante como a gente rotula sem perceber, ou percebendo mesmo …

* Teve alemão boa gente, e gente boa!

o professor é ótimo, um alemãozinho do meu tamanho, muito engraçado e muito, muito bom professor mesmo, adorei. Ele tem uma risada impagável, queria poder gravar e colocar aqui. Mas é algo do tipo Barney, dos Flinstones.

* Teve sono, muito sono em alguns momentos!

3 h e meia todos os dias, aff ! Não tem como ...

* Teve ficha caindo!

Eu me sentido a mega power corajosa de largar meu emprego, família e segurança no BR para estar aqui nesses 2 anos … um lugar para onde viemos com lugar pra morar, salário, plano de saúde, sabendo me comunicar (pq o inglês é safado mas resolve! E saem umas palavrinhas alemãs bem Kfusas mas saem…), tendo um companheiro… 
A maioria dessas pessoas veio pra cá sem nada ! E deixando tudo, ou … nada ! Algumas deixaram famílias, mas outras são sozinhas nesse mundão de Deus. Estão morando em quartos mistos com pessoas q nem conhecem, ainda estão sem emprego e fazendo bicos pra pagar comida e casa, e investindo tudo q tinham nesse módulo de 1 mês de aula para conseguir um emprego. 
E eu reclamando e cheia de medos! Q vergonha ! Assim não pode, assim não dá!

* Teve sonho dourado se formando!


Nos meus sonhos mais lindos e dourados, já tô pronta para ser a poliglota. 
Meu foco no fim desses dois anos é sair por aí gastando meu já batido espanhol e francês (e sabe q ajuda? volta e meia esbarro com alguém q fala um dos dois comigo e aí viro uma matraca), e acrescentar inglês e alemão. Mas observem a disparidade entre o foco e o resultado, ainda passo perrengue pra pedir um chocolate quente  hahahahaha

* Teve continuação da convivência fora do curso!


Nos entendemos super bem.
O curso tá fluindo legal demais.
E com a tanzaniana (Rabia) e a Luisa, até já demos umas voltas pela cidade depois do curso.
A Luisa  é  uma peruana q viveu os últimos 10 anos na Itália, tem uma pele e cabelos lindos, fala um inglês perfeito segundo nosso prof e é uma tímida de carteirinha.


Tô pensando em tentar marcar um encontro com todo mundo num parque para um pequenique ou algo assim, o prof falou q seria uma ótima maneira de todo mundo se conhecer mais. 
Vamos ver se funciona!



Bem, foi isso!

Tschuss pra vc ! Tchau pra vcs  !


bjs da que anda estudando ...
cecelle

sexta-feira, 2 de setembro de 2011

Sempre é tempo de … NOVOS AMIGOS !

Eu queria escrever um monte de coisas, mas a Micheli resumiu super bem. Então este post é meio que só para linkar o dela.

Eu achei o blog dela nos meus momentos de "vou não vou", antes de decidirmos vir pra cá (assim como o da Angela, da Marcela… andei pentelhando muita gente por aí) … e foi só coisa boa tudo que veio desse contato.

Encontrar uma pessoa q você fala por meses por e-mail é engraçado, pq realmente parece q vc já conhece faz tempo… dei boas risadas, conversamos muito e saí desse encontro leve, leve (e como disse pra ela, só impressão, pois devorei uma super coxinha e um mega suco de açaí, ambos espetaculares).

A Michelli é uma linda. A foto estou tensa de colocar, pois eu é q pareço grávida de 8 meses, a menina é alta, magra  e simpática. Aff !!!

O que eu quero  pra essa minha temporada aqui é isso: me permitir conhecer outras pessoas,  juntar esses novos amigos aos meus já tão queridos, fazer uma mistura boa e me manter assim, feliz e completa.


A vida é assim, né?

Me dá coisas novas todos os dias.

E nesse um mês de vida aqui, já ganhei mais uma amiga e uma bebê pra treinar hehehe …


Beijos

domingo, 21 de agosto de 2011

Sempre é tempo de … LAMENTAR !

Hallo !

Eu recebi um vídeo e nem tenho palavras para descrever.

Mas é perfeito !!!!

Longe de mim criticar quem faz plástica (até pq já fiz uma), mas onde as coisas vão parar desse jeito?
Meninas lindas q se matam por gramas a menos, q desenvolvem anorexia, bulimia, etc, se enchem de remédios para atingir um padrão q nao existe, que é impossível de atingir.

Esse vídeo é perfeito, por ele vcs devem entender melhor como me sinto:






video

E normalmente é isso mesmo ! Pq essas atrizes, modelos, socialites são pessoas normais, que tem defeitos normais como qq pessoa.
E daí vem a crueldade das notícias:
"Fulana acima do peso em praia X"
"Fulana ainda não voltou ao peso de antes da gravidez"
"Fulana sem maquiagem! Bomba!"

Caramba! Quanta maldade, quanta grosseria, quanta coisa para desprezarmos … tanta coisa mais importante e o povo falando do bumbum, da barriga e do rosto dos outros...
E no meio disso, mais uma menina morreu pesando pouquíssimos quilos, tentando alcançar o tal padrão… uma pena realmente!

Sei que muita gente pode me criticar e vai achar q escrevi isso pq sou gordinha, e estou loooonge do que chamam de beleza ideal.  Como eu queria ser mais magra ! Mas pra ser eu teria q fazer um monte de coisas nada ortodoxas e interessantes, como tirar meu prazer de comer, e ficar estressada sempre que me desse vontade de alguma coisa. A troca não me interessa, pelo menos não até esse momento.

Beijos cheios de lamento!
celle

sábado, 20 de agosto de 2011

Sempre é tempo de … Série facilidades diárias !

Sempre pode ser complicado.

Sempre por ser difícil e desesperador  compreender e ser compreendido.

Em alemão então!!!! Tenho sofrido hahaha

Mas sabe, também pode ser bem prático !


Da série "Facilidades do dia a dia"…




Vc está no meio de um passeio.
Bateu uma fominha.
Quer uma maçã?


Fácil!


Coloca a sua moedinha de um euro no cofrinho e saia feliz com suas frutinhas!
(pq eles são alemães mas tb gostam de promoção, 3 por 1 euro hehe)
Achei evoluído, achei moderno, achei tudo de bom !

Ah, e adorei a confiança de que ninguém vai meter a mão sem pagar (confesso q fiquei de olho pra ver se pegava alguém no pulo; ok, sou paranóica).


Beijos , Celle

sexta-feira, 19 de agosto de 2011

Sempre é tempo de … Série "Circulando por Aí " - Konstanz!

Onde?

Konstanz, cidade pequena no sul da Alemanha.

Quando: agosto/2011

Como: de Munique, se chega de trem (que foi o q eu fiz, umas 3h e meia de viagem com baldeação, uma correria básica pra mudar de plataforma, mas nada q não dê pra fazer em nome da economia).
Tb dá para ir de carro, acho que são menos de 2 h, e tb de avião, via Zurique.

Quanto: de trem, o bilhete custa cerca de 30 euros. Pra andar na cidade, tem um passe q te dá acesso livre para todos os transportes , custa 4 euros (bem pagos, já q andamos pra lá e pra cá, vale a pena), mas também é uma delícia passear a pé e ir beirando o lago...

Essa cidade beira o lago Bodensee, que faz fronteira com 3 países: Alemanha, Áustria e Suíça. Para  todas as direções, tem passeios incríveis...

Eu peguei dicas pela net e com pessoas que já conheciam aqui para ter o que fazer nestas duas semanas e descobri coisas maravilhosas … Anny, obrigada   :  )

Então, pelo lado da Alemanha que foi por onde comecei minhas andanças,  andei muito pela cidade (que é uma lindeza mesmo),  cheguei no passeio número 1:

"Insel Mainau", a Ilha das Flores. As fotos mostram mais que as palavras… que lindeza.

Mainau - Ilha das Flores













O mapa do lago Bodensee, feito com flores !




A catedral dentro da Ilha

O Castelo da ilha, onde agora funciona um lindo museu ...

Horas sentada nesse banquinho,  barulho só de passarinhos...


Fim do passeio e do dia também … 


Beijos , celle

quinta-feira, 18 de agosto de 2011

Sempre é tempo de … Série "Circulando por Aí " - Salsburg!

Abrindo mais uma nova série …

"Circulando por Aí "

Afinal, sempre é tempo de passear!
Conhecer cores e lugares, respirar novos ares,  novos sabores …

Obs importante:
1) Tem um monte de blogs q adoro e onde procuro muitas dicas (Turista Profissional , Ducs AmsterdanDicas e Roteiros de Viagens e outros tb).  Então se precisarem de dicas de viagem, certamente o meu não é o blog ideal, procurem eles q são demais! O q vou contar aqui são os passeios, as aventuras e os micos ... principalmente para a família e os amigos que estão longe…

2) Ângela, do Alemanha, porque não? . Pessoa a parte! Essa pessoa, dona desse blog maravilhoso, foi uma força a mais quando decidi vir pra cá (e eu precisava de todas hehe), pois muito mais que textos maravilhosos sobre este país e dicas preciosas (e agora guias  maravilhosos q ela está lançando),  essa pessoa escreveu coisas lindas, palavras de apoio, enfim, foi incrível.



Mas vamos ao passeio?

Estreando…


Salsburg, Áustria !

Quando: agosto/2011
Quem: eu e Mode, q romântico !
Como: de trem, 29 euros pelo Bavária ticket q vc pode usar por um dia inteiro em qualquer cidade do estado e mais algumas outras próximas, e vale para até  5 pessoas … vale chamar a galera...


A vista na praça


O bondinho q sobre para o Castelo invadido pelos coreanos e suas mega câmeras

A vista
No coments
O teatro de fantoches no Museu do Castelo
Castelo Medieval
Amo maquetes, lindas assim então ...
A perfeição das portas, os detalhes ...
A vista do alto do castelo
Lindos hahaha
Linda (a vista hahaha)
Mode e detalhes do Castelo
Na volta no bondinho, alguém sem desodorante… cruel  num ambiente
fechado e com o calor q estava fazendo na hora !!! (reparem no outro cara
tampando o nariz tb , só  mais discretamente hahaha)
A catedral
A vista do Castelo
Por dentro… olha o teto !
Ela de novo, por outro ângulo
Uma fonte atrás da outra… tentando ser Roma!
A tradicional, com Sr Mozart !
Afinal, Salsburg é a cidade dele e TUDO aqui
faz referência a ele !
Adorei as placas de metal das lojas, como a Ângela tinha dito !
A rua do ouro , das joalherias… pena que Mode não se animou hehe
Creme de Marmota ! O cara disse que servia para … tudo !
Mais uma fonte
Foco na pintura, e nas esculturas e colunas… muitos detalhes

Mais placas
Só um detalhe… quero uma pra mim !
O museu onde era a casa de Mozart … vale a pena visitar !
No café (nome? Mozart, claro), fazendo um lanchinho hehe
Detalhe do Café Mozart
O pessoal andando de charrete

Na beira do rio… super bem cuidado, adorei
Cruzando a ponte para ir ao outro Castelo
Jardins do Castelo Mirabell
Jardins e esculturas
Pra descontrair
Fonte … a vontade era pular aí dentro!
Panorâmica do castelo … feio né !
Mais jardins
Roseiral
Pq eu gosto é de rosas, e rosas, e rosas ...

Vista do jardim dos fundos


Delgada, meu sonho


Ufa, acabou !
Essa foi a nossa primeira viagem como moradores… mas pra falar a verdade, não fez diferença nenhuma mesmo, pq nos sentimos turistas total, e isso não muda com o lugar onde vc vive. Saiu de casa, é turista.
E turista é igual em qq lugar: sempre correndo pra ver todos os lugares desejados (será q vai dar tempo?), tirando um monte de fotos (e bravo quando acaba a bateria da máquina), comendo coisas típicas (será q vou gostar disso?),  tentando saber um pouquinho da história do lugar, e claro, carregando seu tradicional mapinha  … enfim…
Valeu cada segundo, adoramos!


Beijos daquela q circulou (e ainda quer circular muitooooo), Celle